wellingtom Santana

Chora Coração

Um amor quando se vai,
deixa a marca da paixão
feito cio de uma loba
Feito uivo de um cão,

é feitiço que não sai,
dilacera o coração
É um nó que não desmancha,
é viver sem ter razão

Chora, coração, chora coração,
passarinho na gaiola, feito gente na prisão

É um jeito de querer
é pecado sem perdão,
é espinho que só dói
quando põe o pé no chão

É o galho que se dobra
sob o corte do facão,
é o mar que sai dos olhos
pra banhar a solidão 

-- Wando

1 Comentários:

Dayanna Ferreira | 9 de setembro de 2011 18:26

que bela poesia! *-*

 

2009 blogair. All rights reserved. Template and Icons by DryIcons